Luiza Musela: Setembro Amarelo - História pessoal

Setembro Amarelo - História pessoal

/
12 Comments
Olá meus amores estou um pouco sumida, mas quero dizer que estou nas minhas redes sociais e sempre atualizando. Estou em época de prova e já viu né a pessoa fica louquinha.
Bom vamos falar um pouquinho de SETEMBRO AMARELO, deixei para o final propositalmente, pois o SETEMBRO se vai, mas o Amarelo tem que ficar em nossas vidas.
Vidas, isso mesmo, essa palavrinha tão pequena mas com um valor enorme e imensurável. O Setembro Amarelo, mas precisamente dia 10 de Setembro dia Internacional da Prevenção ao Suicídio. O mês é para irmos contra esse ato que destrói vidas.

                                      Resultado de imagem para setembro amarelo

O suicídio é apenas o ato, mas por trás dele há muito mais, há uma história de vida, um sofrimento psíquico algo que tira a pessoa de seu eixo e a faz buscar as vias de fato, ser depressivo não é ser somente triste, ser depressivo não é querer chamar atenção, não é falta de serviço ( isso pode ocasionar), não é falta de vergonha na cara. 
Depressão pode ser por fatores Sócio Econômicos, Ambientais, Genéticos e Químicos. 
Quando alguém lhe falar que está com depressão, não ironize e nem fale "Ahh vai passar." O passar dela é se jogar de um prédio de 11 andares.Pois a tristeza se torna uma dor tão profunda, um fardo, que acaba tirando toda a vida social, familiar e profissional da pessoa, e ela acaba achando que atrapalha as outras pessoas, que é apenas um fardo para sua família e que não deveriam mais aguentá-la. Quer ajudá-la? Ouça-a. Mesmo que seja chato ouvir suas lamúrias, saiba que no fim estará salvando uma e muitas outras vidas.

Eu, já passei e passo por esse abismo que é a depressão, a minha está relacionada ao meu Transtorno de Ansiedade Generalizado, quando fico sem meu medicamento consigo ficar períodos de quase 2 anos sem crise, mas basta algo romper meu equilíbrio que o abismo se abre abaixo de meus pés. 
Já passei por essa linha tênue de vida e morte,  de não querer ficar sendo um fardo para meus pais e amigos, pois mesmo sorrindo e sendo espontânea sempre fui muito fechada de não querer falar de meus sentimentos e decepções. Mas a vida é algo espetacular, ter profissionais capacitados para dar todo suporte é algo que faz a diferença, meus pais infelizmente ainda não abandonaram totalmente a linha tradicional de que quem tem depressão é uma pessoa sem Deus e oração, que depressão tem cura e que não é uma doença crônica, infelizmente passo por poucas e boas quando me sinto desolada, mas isso um dia vai se encaixar, eles abriram um pouco mais os olhos quando viram sua única filha escorregando entre seus dedos, tive sorte que conseguiram me segurar.
Deus é importante sim, e acredito muito que Ele é meu suporte, minha fortaleza, muitas vezes em oração sei que sua mão protetora está sobre mim, mas DEUS e DEPRESSÃO não tem nada a ver. Não é um problema espiritual, mas orgânico e emocional.

Tenham respeito por aqueles que sofrem, tenham respeito por aqueles que lamentam. Às vezes a lamentação em excesso é sinal que algo precisa ser posto pra fora. Não tenha pena, pois o sentimento de pena é um dos piores a ser sentido e doado a alguém.

                                      Resultado de imagem para setembro amarelo

Leve a campanha a frente, que vá além do mês de Setembro!

Um Beijo Grande e VIVA 


Você pode gostar também..

12 comentários:

  1. Concordo plenamente lu,não tem que ser só esse mês,mas para o resto das nossas vida,tbm passo por isso tenho depressão e sei como é ruim ...

    ResponderExcluir
  2. Olá lindona,
    Essa causa é realmente maravilhosa, muitas pessoas dizem que "depressão" é frescura mas, não sabem o que essa doença pode fazer um ser humano pensar ou até mesmo fazer. As pessoas precisam se conscientizar de que as pessoas sofrem de diversas maneiras emocionalmente e cada uma tem uma forma de reação. Se cada um se colocasse no lugar do outro com certeza as pessoas teriam mais respeito e mais amor.
    Amei seu post e seu blog de carinha nova :)
    Beijocas.

    meumundosecreto

    ResponderExcluir
  3. Adorei Lu...esse depoimento vai ajudar muita gente viu... parabéns! Beijos

    ResponderExcluir
  4. Que causa interessante! Vou ser sincera com você, eu não conhecia essa causa e acho que foi super válida. Tem muitas pessoas que demonstram suicídio e a família acha que é brincadeira, devemos ter muito cuidado.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Lu!
    Depressão é um assunto delicado e não deve de maneira alguma ser tratado como uma "besteirinha", tenho exemplos na família e sei que quando a crise bate é desesperador :(
    Adorei o post, super informativo!
    Espero que fique bem, beijos!!

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pela abordagem, falou também pois quem sofre vê com um outro olhar e você é uma pessoa sensível. Eu fiz um relato, além de dizer o que é o setembro amarelo no meu blog.
    Gostei muto do blog e é claro que vou seguir né. bjs
    www.pilateandosonhos.com

    ResponderExcluir
  7. Lu vc escreve muito bem!!!! Parabéns

    ResponderExcluir
  8. Parabéns Lu por abordar esse assunto, contar como acontece com vc, acho que isso dá um estimulo a quem tem e não tem coragem de falar sobre o assunto de uma maneira mais facil. <3

    ResponderExcluir
  9. Incrível post parabéns por publicar algo tão importante, e que as vezes ignoramos. Importante lutarmos pela vida sempre!!!

    ResponderExcluir
  10. Achei muito interresante quando vive diz que o amarelo tem que ficar em nossas vidas. Querendo dizer a consciência em si e não realmente a cor.
    www.kellyzarate.com

    ResponderExcluir
  11. Parabens pela iniciativa de abordar uma assunto tão sério e relevante assim.
    Mil beijos flor

    ResponderExcluir
  12. Parabéns por abordar esse tema e ainda se expor dando seu testemunho. Se respeitarmos os outros realmente tudo flui melhor! Parabéns!!!

    ResponderExcluir

A tal da Nati. Tecnologia do Blogger.